Meditação Budista Tradicional

DSC_6290-800

Budha dizia que era um homem comum como todos os outros, e que qualquer um poderia chegar aonde ele chegou através da meditação. Deixou para a humanidade este legado: um sistema de meditação que permite alcançar à iluminação.

Inicialmente praticado na Índia, este sistema acabou se perdendo e caindo em desuso. Na antiga Birmânia (hoje Myanmar) esta tradição foi recuperada por U Ba Khin, e em 1969 foi reintroduzida na Índia por S N Goenka.

Nestes 2.500 anos esta tradição foi preservada pelos monges budistas Theravada, e meu primeiro contato com ela, foi no Sri Lanka através de meu Mestre, o monge Sri Walpola Kalyanatissa – “Guardião das Relíquias de Budha”.

Budha nos deixou duas práticas meditativas: Samatha e Vipassana.

Em pali, Samatha significa tranqüilidade, calma ou serenidade. Em inglês é conhecida como Tranquillity Meditation ou meditação da tranqüilidade. Esta é a pratica de meditação mais difundida no mundo atual. Através dela pode-se alcançar estados de consciência caracterizados por um alto grau de tranqüilidade e quietude mental. Isto é obtido concentrando-se a atenção progressivamente sobre um estímulo mental ou físico. Simplesmente isso !

Através da concentração progressiva sobre um objeto específico, que pode ser a própria respiração, entra-se em um estado de absorção mental (jhãna). Este estado é sentido como um progressivo desligamento dos sentidos sensoriais e a suspensão do modo racional e verbal da mente. Alcança-se um estado de natureza holística de grande beleza.

O que alcançamos aqui é o quarto estado da consciência, você não estará desperto, nem dormindo, nem sonhando, mas em um estado alterado de consciência, conforme a terminologia psicológica.

Embora esta experiência esteja sujeita as leis da impermanência, isto é, o estado alterado de consciência seja passageiro, se praticado diariamente produz grandes benefícios na vida do indivíduo. O estado de absorção da Samatha não leva a uma transcendência permanente, não produz o estado de iluminação, pois é apenas mais um estado de consciência, que cessa ao final da pratica.

Vipassana em pali significa literalmente “visão clara ou limpa”, que nos permite ver exatamente como as coisas são. Também é conhecida como meditação da extrema atenção, ou Insight Meditation, em inglês.

Aqui utilizamos a meditação Samatha como porta de entrada. Não aconselho que se atinjam graus elevados de concentração Samatha, porque corremos o risco de nos perder neste estado e não ir adiante. O ideal é chegar apenas a um estado em que nossa mente não sofra mais nenhuma distração do meio ambiente.

Chegando nesta etapa, começamos a pratica da impermanência. Vamos compreender seu real significado, simplesmente nos concentrando com extrema atenção em cada processo sensorial ou mental que surja. Aqui nos tornamos o observador de nós mesmos, fixando com extrema atenção cada detalhe percebido, até que desapareça.

Vamos compreender que tudo é impermanente, tudo cessa, tudo desaparece, inclusive nós. O que experienciamos aqui não é nenhum estado alterado de consciência, pois estamos extremamente conscientes. Aqui vivenciamos estados cada vez mais aguçados de consciência, e isto é uma aquisição permanente de nosso ser. Depois disso, nunca mais seremos o mesmos !

Cada nova experiência Vipassana é um novo mergulho no éter da existência, no Todo. E a cada retorno, nos reconhecemos novamente e passamos cada vez mais a olhar o mundo como ele realmente é. Os véus vão sendo sistematicamente derrubados …

Este é o presente que um homem simples nos deixou, em sua eterna lição de humildade.

Gratidão Budha !

através de Prama Shanti

Anúncios

153 opiniões sobre “Meditação Budista Tradicional”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s