Vishuda: falar e sentir com a alma

Nosso corpo físico possui conexão direta com sete chacras principais. Já falamos antes que o chacra é um vórtice de energia cuja principal função é ancorar a consciência.

Note aqui que a consciência não é pontual ou indivisível, mas distribuída, e a nossa consciência como Ser é o resultado do compartilhamento de várias consciências através dos corpos e chacras.

Estes sete chacras podem ser divididos entre quatro chacras básicos e três superiores e poderiam ser representados como um triângulo sobre um quadrado.

Os chacras básicos são polarizados de acordo com o sexo. Os chacras superiores não possuem polarização e auxiliam-nos a trabalhar e compreender as energias cósmicas, superiores, do Ser, como o desapego, a sabedoria, a verdade, a inteligência, a justiça, a misericórdia etc.

Vishuda ou laríngeo é o primeiro chacra superior. Localizado na garganta regula nossa expressão e manifestação, controlando nossa garganta, boca, nariz e músculos da fase. Toda nossa expressão facial e vocal está associada a este chacra, que também se relaciona com o paladar, olfato, audição, cordas vocais e pulmão. Este chacra está presente no nosso corpo físico e em todos os outros corpos, até o corpo causal, criando assim uma comunicação com esferas superiores até a oitava dimensão.

Como todo o chacra ele recebe e emite energias, é uma porta de entrada e saída, de expressão e recepção de informações com o meio exterior.  Mas este é o grande chacra, aquele nos coloca em contato com o meio exterior, permite que nossa influência seja exercida e permite nossa manifestação através desta e de outras dimensões.

Controla nossa voz e através dela a capacidade de cativar e criar, através da modulação de frequências, que é a oitava superior da capacidade de transmitir mensagens por palavras. Podemos assim, pelo seu desenvolvimento usar o “verbo”, criar realidades e influenciar outras consciências. É a fonte do nosso carisma !

Pelo olfato podemos sentir cheiros da terceira dimensão e acima. O aroma é extremamente sutil e compatível com dimensões superiores, assim o olfato nos coloca em contato com estas dimensões permitindo a percepção de aromas espirituais.

Pela audição podemos captar os sons audíveis e perceber frequências mais elevadas de outras dimensões, inclusive a clariaudiência.

Com o paladar percebemos sabores tridimensionais e podemos compartilhar este prazer com os corpos superiores ascendendo esta sensação às dimensões acima. Com nosso cérebro em alfa podemos sentir a ascensão do sabor pelos corpos etérico, astral e mental em um estado de êxtase que nos dá um paladar inigualável, um verdadeiro “comer com a alma“.

através de Pramashanti

(No início do texto, abaixo do título, há uma opção para você deixar seu comentário, perguntas ou sugestões. Agradecemos sua participação.)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s