Reptilianos

Reptilianos são uma das formas não humanoides deste Universo. Existem outras, mas estes seres possuem uma afinidade maior com a nossa forma, pois nós possuímos antepassados reptilianos e nosso cérebro ainda guarda um núcleo reptiliano.

De certa forma assim como nós seres humanos possuímos antepassados comuns com os macacos, em outra escala também possuímos antepassados comuns com os reptilianos.

Nossa matriz energética foi a mesma, mas tomamos caminhos diferentes, a forma como expressamos nossas emoções, como a processamos, são totalmente diferentes.

Muitos que tiveram contato com os reptilianos afirmam que eles não possuem emoções. Nós simplesmente não conseguimos entender como as emoções se manifestam nestes seres, mas eles as sentem.  Eles possuem um plano mental muito mais elaborado que o nosso, conseguem analisar as emoções e desdobrá-las, separando a semente emocional de cada sentimento. Esta semente, este núcleo da emoção é sentida diretamente. Eles sentem o âmago do sentimento, é um sentimento concentrado e puro, e muito mais intenso, mas em dose menor e dura um tempo infinitesimal. Neste sentido eles são muito mais eficientes do que nós, enxergam o âmago das coisas e sentem apenas aquela pequena partícula que interessa.

Assim, sentimentos brandos, extensos e difusos passam quase despercebidos, pois sua raiz, seu núcleo é quase inexistente e seu processamento é instantâneo.

Isto lhes dá experiências muito diferentes das nossas, é outra forma de aprendizado e evolução. Se eles estivessem fisicamente e em abundancia, concorrendo com nossa espécie, levariam uma grande vantagem, pois são extremamente mais rápidos do que nós no processamento das emoções.

Nós ficamos com um pequeno cérebro reptiliano atrofiado e desenvolvemos um novo cérebro humanoide, enquanto eles desenvolveram o cérebro reptiliano e não tem nenhum conhecimento de nosso cérebro humanoide. Por isto a curiosidade deles em visitar nosso planeta.

Assim como acontece com todos os seres, existem reptilianos nos mais variados estágios de evolução, amistosos e hostis.

Muitos deles encarnam em nosso planeta e outros vivem aqui em formas mais sutis. Alguns de nós, em menor número, também vamos aos planetas reptilianos em formas astrais, encarnados ou não para adquirir experiência.

Como falamos antes, várias outras formas de vida populam este Universo, mas os reptilianos são os que mais nos visitam por possuírem uma sintonia maior com a nossa forma de vida.

Ao nos relacionarmos com reptilianos encontramos uma grande dificuldade, pois a cada interação esperamos obter uma resposta emocional do outro, procuramos analisar esta resposta emocional para avaliar o resultado de nossa interação. Os reptilianos são extremamente rápidos na analise emocional e não conseguimos avaliar este resultado. Então, é como se estivéssemos conversando com uma parede, ele não responde às nossas expectativas e ficamos sem saber como proceder.

Em uma relação com um reptiliano não podemos esperar respostas pontuais, precisamos interagir repetidamente sem esperar respostas e avaliar somente o resultado final. Precisamos intuir corretamente o conjunto de ações que precisamos executar para depois avaliar o resultado. Podemos repetir isto várias vezes, mas em cada vez precisamos executar várias ações repetidas.

Não devemos encarar os reptilianos como um mal, eles estão aqui para nos fornecer uma diversidade maior de experiências. Experiências que faltaram a alguns de nós no nosso processo evolutivo, e que sem eles levaríamos muito mais tempo para adquirir.

Lembrem-se sempre que estamos aqui neste universo para uma jornada de aquisição de conhecimento. Cada aprendizado que concluímos enriquece a consciência da nossa espécie, do nosso planeta, do nosso Universo e do Todo maior. Somos todos um só Ser em constante evolução.

Vamos agradecer a presença dos reptilianos em nosso meio, aprender com eles, e principalmente perder o medo e aprender a nos relacionar com eles.  Eles não são superiores a nós, são apenas diferentes. E lembremos sempre que aqui os encarnados são sempre os mais fortes, nós possuímos as energias mais densas.

através de Pramashanti

(No início do texto, abaixo do título, há uma opção para você deixar seu comentário, perguntas ou sugestões. Agradecemos sua participação.)

Anúncios

12 opiniões sobre “Reptilianos”

      1. Prama, talvez eu entenda o que o pedro falou.
        Pedro se eu estiver enganado me desculpe.
        A literatura vasta sobre reptlianos, Greys, Xopats etc é vasta e nela encontra-se dados que dizem que esses seres répteis ao longo dos ultimos milenios nos escravizaram para tomar poder, controle, manipulação sobre nós, incutindo-nos de medo para que possamos servir de alimento à eles (alimento energético)
        talvez sejamos objetos de estudo deles também.
        enfim, há diversas possibilidades
        mas acho que é isso

        Curtir

      2. Bom dia ! Nosso Universo suporta várias classes de seres, e como ocorre em todos os seres vivos, existem os bons e os maus. Sempre que generalizamos, cometemos injustiças. O próprio Chico Xavier comentou sobre isso.

        Curtir

  1. O texto é ótimo e elucidativo. Qdo fiz tratamento espiritual com apometria,disseram-me que os reptilianos me assediavam. Onde vejo sobre eles estão numa redoma muito negativa e sugadora.
    Ainda assim como possuímos uma parte cerebral reptiliana então somos herdeiros deles também.
    Gratidão.

    Curtir

      1. conheço uma mulher muito amorosa e desde sempre mística, mediúnica, espiritualista que se conectou tão bem a Fonte que há uns 20 anos numa meditação acabou descobrindo sua origem num planeta cheio de lagartos cantarolando em linguagem desconhecida de nós e muitos cristais luminosos… portanto, qualquer um de nós pode ser herdeiro das origens, sim mas da mesma forma que há escolhidos para a tarefa de ascensão planetária, houveram os escolhidos para passarmos td q a humanidade passa ainda.

        Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s