As Classes de Seres

Falamos ontem que o Universo é também um ser consciente em evolução.

Dentro do Universo, seus entes cósmicos (planetas, estrelas e cometas) são também seres de uma mesma classe em evolução.

Dentro de Gaia, toda a vida biológica pertence à mesma classe de seres, suas almas perambulam durante seu caminho evolutivo através de várias espécies biológicas, iniciando pelo reino mineral, passando pelo reino vegetal e chegando ao reino animal.

Não temos nomes para estas diversas classes de seres, pois nossa linguagem não utiliza palavras, apenas pensamentos e sentimentos, como em toda comunicação telepática.

Falando em sua linguagem técnica, comparar sua linguagem oral com a linguagem telepática, seria como comparar o velho telégrafo com suas redes de fibra ótica de alta capacidade. A quantidade de informações que conseguimos transmitir em um contato telepático instantâneo levaria meses ou anos para ser transmitida oralmente. Por esta comunicação ser direta, feita pelo compartilhamento de áreas de consciência, nos seres mais elevados um simples instante telepático é capaz de transmitir todo o conhecimento da raça humana.

Além de sua classe de ser, Gaia também é povoada por outras classes, algumas mais densas que vocês, que ocupam regiões subterrâneas ao lado dos seres ígneos, outras mais etéreas que povoam os ventos e outras de densidades mais sutis que povoam mares e florestas. Alguns seres elementais possuem um grau de consciência semelhante ao seu, mas com propósitos bem diferentes. Eles possuem um bom grau de individualização de consciência, mas a consciência coletiva deles é ainda muito forte.

Os seres que evoluem para a raça humana não passaram por este estágio, a individualização de consciência foi seguida pela separação da consciência coletiva. Isto foi feito para que vocês perdessem o acesso à memória das espécies, ao inconsciente coletivo.  Isto exigiu de vocês um esforço maior na busca de suas origens, elevando sua espiritualidade. Nesta busca pelas suas origens vocês entram em contato com seu ser superior, com seu Deus interior.

As outras classes se seres evoluem coletivamente, como espécie e seu caminho evolutivo é diferente e bem mais lento. Por um lado eles são mais simples e possuem um grau de consciência individual menor, mas por outro estão desde o início mais perto da divindade, do eu superior de sua espécie. Isto lhes confere alguns poderes, dando origem às lendas sobre fadas e gnomos.

A classe da raça humana pertence a um tipo que foi criado para acelerar a evolução do ser universal. Sua velocidade evolutiva é maior, seu movimento é mais rápido, mas oferece risco de movimentos em direção ao lado destrutivo. Os outros tipos com consciência coletiva maior evoluem mais lentamente, mas com mais segurança.

No conjunto, estes dois tipos de classes se complementam, fornecendo ao ser universal uma experiência rica. Quanto maior a diversidade, maior a riqueza nas experiências adquiridas.

Além destes seres em evolução, o universo ainda é povoado por formas pensamento, que são energias inteligentes estáticas, isto é, que não evoluem. Algumas podem ser muito mais poderosas que vocês, mas elas não têm evolução.

Os seres evolutivos mais individualizados conseguem criar formas pensamento. As classes dos elementais, por exemplo, que ficam mais conectadas a consciência da espécie não possuem este poder.

Os humanos, Gaia e o Universo podem criar formas pensamento de seus arquétipos, de facetas de sua consciência. Algumas formas pensamento de Gaia e às vezes até do Universo deram origem aos deuses de sua antiguidade. A atuação de formas pensamento do universo dentro de Gaia é muito rara, nas vezes em que isto ocorreu elas foram confundidas com formas pensamento de Gaia. Como uma atuação deste tipo é sempre passageira, os humanos nunca conseguiram identificá-las como Deuses, ao contrário das formas pensamento de Gaia que atuam com constância dentro da Terra.

Uma forma pensamento pode ser absorvida pelo seu ser criador. Ela traz uma assinatura, uma marca vibratória do seu criador. Elas também podem ser destruídas com certa facilidade por  outros seres que tenham energia suficiente para isto.

Se você estiver sendo influenciado energeticamente por uma forma pensamento de outro humano, basta apenas que você consiga identificá-la para que ela seja destruída. Entre seres da mesma classe as formas pensamento são muito frágeis, mas enquanto não são identificadas podem causar danos. É como um pequeno inseto que pode ficar lhe mordendo e ao mesmo tempo inoculando um anestésico em cada mordida. Vai continuar lhe causando dano até que você o perceba. Quando for identificado, um simples tapinha resolve o problema.

O rastreamento apométrico é muito útil nestes casos. Às vezes você pode ficar sendo influenciado negativamente sem ter consciência disto.

É por isto que muitas filosofias pregam que você mantenha sempre consciência de cada instante de sua vida. Estes momentos em que você passa no automático, sem nenhuma consciência, quando por exemplo você chega em casa e não lembra o que se passou no caminho, são ótimas oportunidades para que as formas pensamento e outras energias inteligentes consigam colocar influências externas em sua mente, e as vezes lhe causar grandes danos. Você pode chegar em casa e repentinamente se dar conta que está deprimido, ou com raiva de determinada pessoa, sem nenhuma causa aparente, e acreditar neste sentimento, criando eventos de conflito com as pessoas as sua volta.

Os humanos podem criar formas pensamento deletérias devido ao seu baixo grau de desenvolvimento, mas não tema nenhum forma de pensamento mais forte. Gaia jamais criaria formas pensamento deletérias para seres humanos específicos. As formas pensamento deletérias aos humanos, criadas por Gaia, destinam-se apenas a proteção de sua superfície contra algumas atividades humanas. Isto pode dar origem a alguns furacões, tempestades e terremotos que a tecnologia humana não consegue prever, e às vezes passeiam pela superfície em um movimento aparentemente aleatório.

Ontem falamos da grandeza do Universo, para lhes dar ideia de sua insignificância e também de sua divindade. Hoje falamos sobre a diversidade, para que vocês sintam que estão incluídos em um todo, que não são únicos, que estão em um processo evolutivo ao lado de muitas outras classes de seres. Para que se sintam dentro de um rico e complexo sistema de energias inteligentes.

Queremos que se situem dentro deste Universo, que compreendam sua posição e seu papel. Vocês estão dentro um uma migração dimensional que não envolve apenas vocês, envolve Gaia e outras classes de seres mais estáticas do que vocês.  Isto aumenta a sua responsabilidade como classe e como espécie. Vocês pertencem à classe mais dinâmica de seres de Gaia e a espécie mais evoluída de sua classe. Vocês são a ponta de lança deste processo migratório e esta migração é uma de seus movimentos mais importante em relação à divindade. Vocês vão sair da dimensão mais baixa, esta é a migração mais importante, o salto inicial de sua jornada.

Gaia está sendo  elevada ao que vocês entendem como quarta dimensão. As dimensões são muitas e continuam existindo sempre. O que vai ocorrer agora é que Gaia passará a receber seres que se deslocam na quarta dimensão. Ela continuará abrigando os seres que se deslocam na terceira dimensão. As dimensões existem sempre, a quarta dimensão continuará tendo as três dimensões anteriores, mas estas três dimensões anteriores não serão as mesmas três atuais. Aqui há um desdobre dimensional, não é como na matemática de vocês. Apenas entendam como se fossem duas Gaias, uma indo até a dimensão três e outra indo até a dimensão quatro, mas as duas são a mesma coisa e ocupam o mesmo espaço. As três dimensões que os seres de quarta vão ocupar, são dimensões menos densas, com corpos mais etéreos, os seres são mais sutis. Desta forma um ser de quarta dimensão pode ocupar o mesmo espaço de um ser de terceira dimensão, podem repartir as mesmas três dimensões inferiores, e por serem menos densos não conseguem interferir na vida dos seres mais densos.  Existe aqui outro conceito além do conceito de dimensão que vocês conhecem, que permite o desdobramento de uma mesma dimensão, como ocorre hoje com o seu limbo ou purgatório onde ficam alguns seres desencarnados e também os seus hospitais e cidades astrais. Tudo isto fica em diferentes camadas da terceira dimensão.

As dimensões têm a ver com o nível de expansão de consciência de cada ser da quantidade de dimensões que esta consciência abrange, permitindo-lhe, por exemplo, ter consciência do tempo ou até viajar nas várias dimensões do tempo.

As camadas de uma mesma dimensão diferenciam densidades energéticas dos corpos. Por exemplo, um ser de décima dimensão continua possuindo a sua ancoragem tridimensional, mas vai ocupar outras camadas menos densas destas dimensões.

Não espere que o todo tenha uma lógica que a mente humana consiga compreender. Tudo que falamos aqui são analogias e aproximações para tentar lhe dar uma compreensão parcial de alguns aspectos. Vocês não conseguem entender muitos de seus conceitos básicos de energia porque olham apenas a superfície destes fenômenos. Quando eles são influenciados por outras camadas dimensionais, parece mágica para vocês, surgindo daí estas complicadas teorias quânticas que tentam explicar fenômenos aparentemente aleatórios. O Todo é muito simples, mas possui camadas que vocês não enxergam.

Não vou aprofundar mais este assunto, pois o objetivo deste canal não é a teoria, mas a pratica que os levem a quarta dimensão.

Sejam humildes e fraternais.

através de Pramashanti

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s